Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Mãe julga casal da mesa ao lado por se se incomodarem com seus filhos. Mas ao saber seu motivo, ela se arrepende

Little Things
Compartilhar

Quando você é mãe ou pai de muitas crianças, já sabe que não é uma tarefa nada fácil mantê-los quietos e comportados. É muito comum que eles acabem falando um pouco mais alto em restaurantes e você já está acostumado a ver pessoas mudando de mesa por sentirem-se incomodadas. Mas isso é algo muito normal.

Por isso, Ashley Wadleigh, mãe de duas meninas e um menino, ficou furiosa ao levar seus filhos para jantar no restaurante Red Robin e perceber que o casal que estava ao lado estava incomodado com seus filhos, chegando até mesmo a esconderem seus rostos e pedirem para mudar de mesa.

Ashley pensava: “meus filhos falam um pouco alto, mas eles não irão te desrespeitar. Então por que vocês agem assim?”. Ela não se conformava com a ideia de que o casal tratava seus filhos de maneira tão rude. Por isso, resolveu chamar o garçom e perguntar a ele por que o casal havia mudado de mesa.

Eis que o garçom responde a eles: “Eles acabaram de perder um filho e não conseguem conviver com a dor de ver outras crianças por perto”.

No mesmo momento, Ashley se arrependeu por tê-los julgado sem ao menos conhecer sua história e decidiu fazer algo para compensá-los. Por isso, ela pagou a conta do casal e pediu para que o garçom não revelasse quem tinha feito isso, mas, aparentemente, a mulher percebeu.

“Naquele momento eu me senti tão envergonhada (…) Senti-me horrível por ela, senti-me horrível por julgá-la. Então, eu fiz a única coisa que eu poderia pensar: eu paguei a conta deles”, escreveu Ashley em seu Facebook.

Quando estava de saída, Ashley foi parada pela mulher, que segurou as lágrimas e disse: “Senhora, eu não queria que você pensasse…” E foi interrompida por ela, que, em resposta, a abraçou. Em seguida a mulher lhe sussurrou: “Obrigada”. E Ashley disse a ela: “Tenha uma boa noite”.

“Sinto-me horrível por sua perda, mas agradeço que esse encontro aconteceu. Lembrou-me de nunca julgar alguém… Você nunca sabe o que os outros estão passando”, disse Ashley ainda em sua postagem.

Ashley percebeu que acabou julgando precipitadamente aquele casal, mas conseguiu reverter a situação e fazer algo bom por eles. Agora, ela deixa uma mensagem importante a todos, de que nunca se deve julgar a atitude das pessoas, pois nunca se sabe o que ela realmente está passando.

Uma bela lição, não é mesmo?

 

 

(via Best of Web. Fotos: Little Things)