Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Newsletter Aleteia: uma seleção de conteúdos para uma vida plena e com valor. Cadastre-se e receba nosso boletim direto em seu email.
Registrar

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

Pe. Gabriel Vila Verde: “Se eu não sou um católico convicto, serei um bobo”

Compartilhar

“É preciso gravar no coração e na mente, como uma brasa viva, a certeza de que a Igreja foi fundada por Nosso Senhor Jesus Cristo”

O pe. Gabriel Vila Verde publicou no Facebook uma aberta profissão de fé na Igreja Católica, afirmando:

Para ser um bom católico, um bom padre, uma boa freira, um bom leigo, é preciso gravar no coração e na mente, como uma brasa viva, a certeza de que a Igreja foi fundada por Nosso Senhor Jesus Cristo, e é a única religião verdadeira, necessária para se salvar, sem medo de ser chamado de fanático, de intolerante, de medieval e tantos outros apelidos que usam para nos amedrontar.

Essa era a certeza de todos os santos. É isso que está escrito na Sã Doutrina. Se não existir essa convicção, você será levado pelo relativismo, pela onda do politicamente correto. Vai respeitar todas as crenças, menos a sua. Vai agradar a todos, menos a Deus.

Se eu não sou um católico convicto, serei um bobo, que diz seguir aquilo que não crê.

Leia também: “Irmã Dulce não andava com Bíblia embaixo do braço: ela era uma Bíblia ambulante”

Boletim
Receba Aleteia todo dia
São leitores como você que contribuem para a missão da Aleteia

Desde o início de nossas atividades, em 2012, o número de leitores da Aleteia cresceu rapidamente em todo o mundo. Estamos comprometidos com a missão de fornecer artigos que enriquecem, informam e inspiram a vida católica. Por isso queremos que nossos artigos sejam acessados por todos. Mas, para isso, precisamos da sua ajuda. O jornalismo de qualidade tem um custo (maior do que o que a propaganda consegue cobrir). Leitores como você podem fazer uma grande diferença, doando apenas $ 3 por mês.