Aleteia

Como a Cáritas italiana está ajudando as pessoas contra o coronavírus

SANDOMIERZ, OKNO ŻYCIA
Compartilhar

Sugestões do Papa e plano de ação coordenada das dioceses na emergência da pandemia

Uma das maiores redes de caridade cristã e ação social do planeta é a da Cáritas, criada e mantida pela Igreja Católica. O termo “caritas”, em latim, significa essencialmente “amor que se doa”. A rede da Cáritas é formada pelas centenas de Cáritas diocesanas espalhadas pelo mundo.

Na Itália, as Cáritas locais acionaram um plano coordenado, com sugestões e orientações do Papa Francisco, para ajudar a população a combater a pandemia do coronavírus.

Estas são algumas das iniciativas que fazem parte do plano:

  • Uma das obras mantidas pelas Cáritas na Itália são os pontos de coleta e distribuição de artigos a serem doados. Este serviço está agora realizando entregas domiciliares de alimentos e medicamentos para os idosos.
  • As dioceses implantaram planos de contato com as pessoas que estão sozinhas.
  • Novas estruturas de acolhimento de pessoas sem-teto foram disponibilizadas em caráter emergencial.
  • Há iniciativas de atendimento focado nas pessoas que moram em estruturas provisórias, principalmente as que foram montadas para as pessoas atingidas por terremotos no centro da Itália.
  • As Cáritas da Itália têm conseguido alojamento para enfermeiros e médicos que se transferiram do sul ao norte do país para trabalhar nas regiões mais atingidas, principalmente na Lombardia.
  • Está mantida e reforçada toda a estrutura de atendimento às pessoas que procuram conforto espiritual e psicológico, embora agora principalmente por telefone e pela internet.
  • Especial atenção está sendo dada aos que não puderam estar ao lado de seus entes queridos nas horas finais de sua vida.
  • O apoio espiritual está sendo prestado continuamente aos agentes de saúde, tanto profissionais quanto voluntários.
  • As Cáritas estão prestando apoio econômico a quem não tem condições de cobrir as despesas funerárias.
  • Um dos novos serviços que estão sendo implantados visa auxiliar as famílias cujos filhos estão apresentando dificuldades com a didática à distância.
  • Evidentemente, está sendo prestado todo o apoio espiritual às pessoas impossibilitadas de participarem presencialmente da Celebração da Eucaristia por causa da quarentena obrigatória.
  • A Cáritas também participou ativamente da iniciativa da Conferência Episcopal Italiana de rezar um Terço nacional às 21 horas da última quinta-feira, 19 de março, dia litúrgico de São José.
Boletim
Receba Aleteia todo dia