Aleteia
Quarta-feira 28 Outubro |
Estilo de vida

Mulher mais velha da Espanha sobrevive à Covid-19

MARIA BRANYAS

Twitter | @MariaBranyas112

Octavio Messias - publicado em 16/05/20

Casos de recuperações milagrosos renovam a esperança 

Aos 113 anos de idade, a espanhola María Branyas testou negativo para o Covid-19 nesta semana, depois de ter contraído o vírus em abril. Ao ter sido diagnosticada com a doença, apresentando sintomas leves, entrou em isolamento no asilo Santa Maria del Tura, na cidade de Olot, na Catalunha. Branyas é considerada a mulher mais velha da Espanha.  

Ela nasceu em 1907, em San Francisco, Estados Unidos, onde seu pai, espanhol assim como sua mãe, trabalhava como jornalista. Oito anos depois, em plena Primeira Guerra Mundial (1914-1918), a família retornou à Espanha, onde, em 1931, ela se casou e onde vive até hoje. 

Ela é mãe de três, avó de 11 (seu neto mais velho tem sessenta anos). Sobreviveu ainda à gripe espanhola, em 1918, à Guerra Civil Espanhola, entre 1936 e 1939, à Segunda Guerra Mundial (1939-1945) e, agora, ao novo coronavírus, que chegou a sentir na pele. E está pronta para outra.

A Espanha atualmente é o segundo país mais contaminado pelo novo coronavírus, com mais de 274 mil casos. Além de María Branyas, outras duas centenárias espanholas sobreviveram à Covid 19, uma com 101 e outra com 107 anos de idade. Mesmo no Brasil, quase toda semana vemos histórias de centenárias que superam o vírus.

Casos de sobreviventes no grupo de risco como esses, que não são pouco comuns, nos incentivam a renovar a fé e manter a esperança até mesmo quando a situação parece perdida. E não são só idosos que passam por extrema provação ao contraírem a doença.

Na semana passada, a inglesa Kathrine Dawson recebeu alta do hospital Blackpool’s Victoria, em Lancashire, no Reino Unido, com sua filha recém-nascida. Ela foi diagnosticada com Covid-19 no final de março, quando estava na 32ª semana de gravidez. Conforme seu estado se agravou, em 1º de abril recebeu um parto induzido de emergência. Ela passou oito dias usando ventilador pulmonar, enquanto o bebê prematuro, Ruby, também contaminada com o vírus, se recuperava na incubadora. 

O pai, Stuart, por razões óbvias, não podia se aproximar de nenhuma das duas, e ficou em casa cuidando das duas filhas mais velhas, Grace, de cinco anos, e Ava, 11 meses. Ele recorda a videochamada que fez com a esposa quando ela estava prestes a  ser sedada para o parto. “Foi como dizer adeus; aquele poderia ter sido o nosso último telefonema”, ele disse ao canal BBC. “Achei que seria um viúvo e criaria minhas filhas sozinho.”

Stuart, definitivamente, renovou sua fé, assim como deveríamos todos nós. E manter a esperança mesmo nos momentos mais difíceis. Como diz o ditado popular, “não termina até acabar”.

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
CoronavírusPandemiaSaúde
Top 10
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Pe. Zezinho
Francisco Vêneto
Duas emissoras brasileiras deturpam fatos em ...
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia