Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 17 Janeiro |
home iconAtualidade
line break icon

Pe. Robson denunciado de novo pelo Ministério Público: "organização criminosa"?

Pe. Robson de Oliveira

Facebook / Pe. Robson

Reportagem local - publicado em 10/12/20

Defesa afirma que não há fatos novos e reitera que o sacerdote não praticou nenhuma irregularidade

Pe. Robson denunciado de novo pelo Ministério Público de Goiás (MP-GO): “organização criminosa” é a principal das acusações, que também incluem apropriação indébita e lavagem de dinheiro. Os supostos crimes teriam sido cometidos na gestão de doações dos fiéis à Associação Filhos do Pai Eterno (Afipe).

A nova denúncia foi apresentada nesta segunda-feira, 7 de dezembro, e envolve 17 pessoas. O Ministério Público acusa o sacerdote de chefiar uma “organização criminosa empresarial que se utilizava de associações e empresas para realizar apropriações indébitas, falsidades ideológicas e lavagem de capitais em benefício próprio”. A denúncia cita “recursos recolhidos em nome das associações de caráter religioso e com a finalidade declarada de construção de uma basílica e de realização de atos de caridade”.

Arquivamento do caso em outubro

Denúncias anteriores contra o pe. Robson foram arquivadas em outubro por decisão da 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Goiás, em decisão unânime. O desembargador, Nicomedes Domingos Borges, considerou que as provas obtidas pelo MP não comprovavam desvio de dinheiro para benefício pessoal do sacerdote.

Pe. Robson denunciado de novo

Na última sexta-feira, 4 de dezembro, foi expedida, porém, uma nova decisão do presidente do Tribunal de Justiça, Walter Carlos Lemes, que autorizou a retomada das investigações sobre as mesmas denúncias, relacionadas com a Operação Vendilhões.

Manifestações da defesa e da Afipe

A defesa de pe. Robson se manifestou afirmando que não há fatos novos e reiterando que o sacerdote não praticou nenhuma irregularidade, como, a seu ver, já tinha sido demonstrado.

A Afipe, por sua vez, divulgou nota afirmando confiar na Justiça e declarando-se “à disposição para todos os esclarecimentos que se fizerem necessários para a elucidação dos fatos”.


Pe. Robson

Leia também:
Justiça arquiva ação que acusava o pe. Robson de lavagem de dinheiro

Tags:
DinheiroJustiça
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Top 10
Aleteia Brasil
Na íntegra: as três partes do Segredo de Fáti...
UNPLANNED
Jaime Septién
Filme contra o aborto arrasa nas bilheterias ...
BABY BAPTISM
Padre Reginaldo Manzotti
Por que é tão importante batizar uma criança?
Deserto de Negev
Francisco Vêneto
Pedra de 1.400 anos com inscrição mariana é e...
KRZYŻYK NA CZOLE
Beatriz Camargo
60 nomes de bebês que carregam mensagens pode...
Reportagem local
Papa Francisco: cuidado com os cristãos que s...
POPE JOHN PAUL II
Philip Kosloski
"Não tenhais medo": a frase mais usada por Sã...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia