Aleteia logoAleteia logoAleteia
Segunda-feira 15 Abril |
Aleteia logo
Espiritualidade
separateurCreated with Sketch.

Não brinquem com Deus, exorta o pe. Zezinho: existem limites

Adão, Eva, Caim, Abel, primeiro luto

William-Adolphe Bouguereau, "O Primeiro Luto" (Domínio Público)

Reportagem local - publicado em 23/12/20

"Não cedam à tentação de fazer tudo o que querem: há coisas que vocês não podem tentar"

O pe. Zezinho publicou em sua rede social uma reflexão sobre o significado e a razão por trás dos limites que Deus nos coloca, e que são representados por alguns episódios eloquentes da Sagrada Escritura.

Eis o que ele escreveu:

Em hebraico, Node (Gen 4,16) só significava “a esmo”, “sem rumo”. Seria a terra onde Caim foi condenado a perambular sem prumo e sem rumo por ter assassinado uma pessoa que era seu próprio irmão! A lição de Gênesis, ao narrar a expulsão de Adão e Eva, e depois, a de Caim do Paraíso, estava na proibição-limite. “Não passem dali”. “Não cedam à tentação de fazer tudo o que querem”. “Há coisas que vocês não podem tentar. Adão e Eva e Caim, na estória bíblica, foram os primeiros humanos a fazer o que o instinto e a vontade pessoal sugeriam. “EU QUERO! EU POSSO! NINGUÉM VAI ME DIZER QUE NÃO POSSO”.

Não brinquem com Deus

O padre prossegue:

Desde o começo, a Bíblia alertava, já nos primeiros capítulos, que nenhum ser humano pode fazer tudo o que acha que tem vontade de fazer. A Torre de Babel segue a mesma trilha. “Não brinquem de ser deuses; vocês não têm capacidade para isto”. Esta é a primeira catequese da Bíblia. “Vocês foram criados e agora não sejam malcriados! Não brinquem com a natureza nem com a vida. Se passarem do limite, viverão ao léu, sem rumo e sem prumo, serão expulsos da alegria e da paz e viverão na terra de ‘Node’: na terra sem rumo e sem felicidade!”. Há coisas que um ser humano nunca deve fazer porque perderá a alegria e a paz, a menos que volte a dialogar com seu Criador e se arrependa do grande mal que fez e faça penitência! É por isto que, já de começo, em todas as Missas, nós, católicos, rezamos o Ato Penitencial, dizendo que somos inclinados ao pecado e ao egoísmo e precisamos de ajuda para perdoar e viver em paz com Deus e com os outros. Só depois damos glória a Deus, agradecendo pela luz que Deus derrama sobre nós e sobre a nossa assembleia! Pense nestas coisas neste Natal!

Menino Jesus com criança

Leia também:
Conte a história do Menino Jesus às crianças, incentiva o pe. Zezinho

Tags:
BíbliaDeusPecado
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia