Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sexta-feira 17 Setembro |
São Roberto Belarmino
home iconHistórias Inspiradoras
line break icon

Enterro de peregrino de 7 anos choca os católicos poloneses

POGRZEB FRANKA

fot. ks. Mirosław Benedyk | Niedziela

Reportagem local - publicado em 12/08/21

O pequeno Franek lutou pela vida durante nove meses, e seu caso mobilizou milhares de pessoas em oração. Em sua curta vida, ele fez a peregrinação a Jasna Góra quatro vezes. O funeral foi um grande evento, que ganhou até destaque na imprensa

Franek lutou pela vida durante nove meses. Centenas de peregrinos, diferentes comunidades e muitos outros católicos rezaram pelo milagre de sua saúde. Mas ele não resistiu a uma grave doença e foi enterrado em 26 de julho de 2021 na cidade de Świdnica, na Polônia. Seu funeral foi descrito pelo padre Przemysław Pojasek.

O padre Tomasz Filinowicz foi quem se dirigiu à congregação, o mesmo que havia sido o diretor espiritual de Franek nos meses anteriores à sua morte. Em entrevista ao semanário polonês Gość Niedzielny, padre Tomasz declarou:

“Sinto-me totalmente desamparado perante o mistério do sofrimento e da morte das crianças. Isso levanta tantas questões que só posso responder humildemente: ‘Não sei’. Quando Franek e eu estávamos nos preparando para a Primeira Comunhão do menino, não faz muito tempo, eu disse a ele em uma das reuniões que a vida de uma pessoa é como uma jornada. Tem seu começo, seu fim e seus indicadores, que são os mandamentos de Deus, os quais deveriam nos ajudar a chegar ao nosso destino. E, embora os sinais sejam idênticos para todos, cada viagem é diferente. A viagem de Franek foi especial porque o próprio Franek era especial. Sua viagem foi curta; levou menos de oito anos para ser concluída”.

Franek sofreu como Cristo

O sacerdote chamou a atenção para as analogias entre os últimos meses de vida da criança e a Paixão de Jesus Cristo. Ele também destacou que o menino recebeu muito apoio de médicos e demais profissionais de saúde durante a luta contra sua doença.

“Havia estações ao longo do caminho onde Verônica enxugava o rosto [de Cristo] e Simão ajudava [Cristo] a carregar a cruz. Um sorriso, então, aparecia nos lábios de Franek. Ele tinha ao seu lado médicos, enfermeiras, psicólogos, familiares e dezenas de pessoas, todas dedicadas, que talvez nem o conhecessem antes. Todos eles estenderam a mão para ajudá-lo e tentaram fazer o possível para tornar a cruz do menino menos pesada. No dia de sua primeira comunhão, Franek superou o entristecimento de seu rosto e o substituiu por um sorriso. No entanto, ao longo do caminho, ele também caiu sob o peso da cruz e houve momentos de dúvida e desesperança.”

O padre Tomasz comparou a mãe de Franek a Maria, que permaneceu com o filho moribundo até seu último suspiro.

Quatro vezes em peregrinação ao santuário de Jasna Góra

O padre também mencionou o testemunho que o menino deu até o fim, cuidando dos outros e falando com eles com palavras gentis para que se sentissem melhor. 

Já o pai de Franek também comentou sobre isso e incentivou os participantes do funeral a se deliciarem com doces, porque era isso que seu filho queria.

O pai de garotinho ainda discursou durante o funeral e se dirigiu à congregação e a seu filho falecido:

“Você nos deu muita alegria durante seus sete anos de vida. Nós nos lembramos vividamente dos momentos passados ​​com você. Sua mãe lembra deles com carinho. Também recordamos com alegria os momentos da nossa peregrinação comum a Jasna Góra. Você caminhou até Nossa Senhora antes dos dois anos de idade e chegou ao seu destino quatro vezes. Os últimos nove meses com você foram difíceis, mas lindos. Durante o tempo no hospital, ficamos muito íntimos e tivemos muitas conversas profundas. Cada vez que você voltava para casa, você queria levar algo para seus irmãos. Às vezes era chiclete, suco ou doce. Você queria comprar presentes para eles com seu próprio dinheiro. Você fez o mesmo no hospital, onde surpreendeu a todos… “.

“Deus da vida”

Ao se dirigir aos seus outros filhos, o pai de Franek ressaltou que não foi Deus, mas uma doença, que levou o irmão deles: “Deus é o Deus da vida, não da morte”.

Franek costumava caminhar com outros peregrinos até o santuário de Jasna Góra. Por isso, seu funeral reuniu não apenas familiares e amigos, mas também participantes do grupo de peregrinação.

Além disso, o Padre Przemysław Pojasek falou sobre o significado da comunidade de peregrinos nos últimos meses de vida do menino. Os peregrinos realizaram vigílias de oração e ofereceram ajuda às outras crianças da família. Como ele disse, “embora não tenhamos sido capazes de receber o milagre da cura, desta vez foi um verdadeiro retiro espiritual para todos”.

Este texto foi publicado originalmente na edição polonesa da Aleteia : https://pl.aleteia.org/2021/07/27/pozegnali-franka-7-letniego-pielgrzyma-szedles-do-matki-bozej-zanim-skonczyles- dwa-latka /

Tags:
Morteperegrinacao

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Pe. Zezinho
Reportagem local
Pe. Zezinho faz alerta sobre orações de cura e libertação
2
Irmã Lúcia, de Fátima, e o Papa São João Paulo II
Francisco Vêneto
O terço “funciona”, garante a Irmã Lúcia, de Fátima: e ela explic...
3
Orfa Astorga
Os erros mais comuns das sogras
4
Papa Francisco pede homilias mais curtas
Francisco Vêneto
Papa Francisco pede aos padres: façam homilias mais curtas
5
porta
Reportagem local
Capelão de hospital: ação dos anjos é fundamental na hora da mort...
6
Ricardo Sanches
Menino de 4 anos brinca de missa, conhece vários santos e surpree...
7
ROSARY
Philip Kosloski
É verdade que meu Anjo da Guarda termina de rezar o Rosário se eu...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia