Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sexta-feira 30 Setembro |
São Jerônimo
Aleteia logo
Histórias Inspiradoras
separateurCreated with Sketch.

De quem veio o conselho que Denzel Washington deu a Will Smith?

WEB3-DENZEL-WASHINGTON-WILL-SMITH-CHRIS-ROCK-OSCARS-Afp_.jpg

ANGELA WEISS/AFP | Robyn Beck/AFP

Merche Crespo - publicado em 30/03/22

Um grande santo da Igreja Católica defendia a ideia que Denzel Washington transmitiu ao amigo na cerimônia do Oscar

Na noite de domingo, 27 de março, o ator Will Smith pode experimentar talvez o melhor e o pior de sua vida. Ele foi ao Oscar, em Los Angeles, com uma indicação para melhor ator – e acabou levando o prêmio.

Entretanto, minutos antes disso acontecer, no meio da cerimônia, ele perdeu a calma quando o comediante Chris Rock se referiu à sua esposa com um comentário infeliz sobre a doença que ela enfrenta (alopecia). Will Smith trouxe o pior de si: ele subiu ao palco e esbofeteou o apresentador.

A piada realmente não foi nada engraçada, embora o próprio Chris Rock tenha se justificado, dizendo que ele não tinha conhecimento da doença da esposa de Smith.

Todos nós ficamos chocados. Entretanto, no intervalo da cerimônia do Oscar, antes de Will Smith receber o prêmio de melhor ator por seu papel no filme “King Richard”, seu amigo Denzel Washington aproximou-se dele durante uma pausa para acalmá-lo e aconselhá-lo. Especificamente, ele lhe disse:

“Tome cuidado! Em seus melhores momentos é quando o diabo vem atrás de você.”

De quem veio o conselho

De quem vem esse sábio conselho? A ideia vem de um grande santo da Igreja Católica: São João Maria Vianney. Também conhecido como Cura d’Ars, ele foi constantemente assediado pelo demônio por seu grande trabalho como confessor.

O santo, certa vez, comentou:

“Notei que o barulho é muito maior e as agressões – do diabo – se multiplicam quando, no dia seguint,e algum grande pecador está por vir”.

Em outras palavras, a lição deste santo se aplica à grande noite do Oscar, quando Will Smith iria ter sua grande noite de glória. O santo sabia que o diabo espreita quando alguém pode fazer ou receber algo de bom. Ele quer nos desestabilizar.

Mas podemos pensar que o diabo venceu quando o ator sucumbiu à violência? Para um cristão, após a queda, o melhor momento está por vir: o momento do perdão.

saint curé d'ars
São João Maria Vianney: muito cuidado com o diabo

O pedido de perdão de Will Smith

Vinte e quatro horas depois do ocorrido, Will Smith publicou uma declaração no Instagram, na qual pede desculpas expressamente ao comediante Chris Rock pela agressão.

Ainda durante a cerimônia, ele já tinha pedido desculpas à Academia de Artes e Ciências Cinematográficas e a seus colegas atores, especialmente a toda a equipe do filme pelo qual ele havia recebido o prêmio.

View this post on Instagram

A post shared by Will Smith (@willsmith)

Diz a publicação

A violência em todas as suas formas é venenosa e destrutiva. Meu comportamento no Oscar da noite passada foi inaceitável e indesculpável. Piadas às minhas custas fazem parte do trabalho, mas uma piada sobre a condição médica de Jada (sua esposa) foi demais para mim e eu reagi emocionalmente.

Eu gostaria de pedir desculpas publicamente a você, Chris. Eu estava fora de mim e estava errado. Tenho vergonha, e minhas ações não foram indicativas do homem que eu quero ser. Não há lugar para a violência em um mundo de amor e bondade.

Gostaria também de pedir desculpas à Academia, aos produtores do espetáculo, a todos os presentes e a todos os que assistiram ao redor do mundo. Gostaria de pedir desculpas à família Williams e à família “King Richard”. Lamento profundamente que meu comportamento tenha manchado o que tem sido uma jornada maravilhosa para todos nós.

Eu estou em constante evolução.

Atenciosamente,

Will”

A “constante evolução”

Esta última frase da declaração do ator é maravilhosa:

“Eu estou em constante evolução”.

Porque “estar em constante evolução” e considerar-se como “um trabalho em andamento” são sinais humildade. Isso significa que ele realmente quer melhorar e se vê como capaz de fazê-lo.

Na verdade, uma pessoa nunca está “pronta”, porque sempre tem a oportunidade de melhorar. Pedir perdão publicamente e reconhecer os erros nos faz progredir.

Para os cristãos, esta frase faz muito sentido, porque a vida é um começo e um reinício. E através de erros e quedas, nos nos polimos para progredirmos em santidade.

Tags:
CelebridadesCinemaHumildadeViolência
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia