Aleteia logoAleteia logoAleteia
Terça-feira 29 Novembro |
Santa Iluminada  Virgem († séc. IV)  
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Papa reza pelos mais de 130 mortos em estádio de futebol na Indonésia

Este artigo é exclusivo para os membros de Aleteia Premium
Papa Francisco

Antoine Mekary | ALETEIA

Francisco Vêneto - publicado em 04/10/22

Entre os mortos há pelo menos 33 crianças, uma das quais tinha apenas 3 anos de idade

O Papa Francisco está rezando pelos mais de 130 mortos no estádio de futebol de Malang, na província de Java Oriental, na Indonésia.

A tragédia ocorreu no último sábado, 1º de outubro, quando os torcedores do Arema FC invadiram o campo após a derrota da sua equipe para o Persebaya Surabaya por 3-2. A polícia tentou contê-los com gás lacrimogêneo, mas seguiu-se um tumulto generalizado em que as vítimas morreram esmagadas e pisoteadas. Entre os mortos há pelo menos 33 crianças, uma das quais tinha apenas 3 anos de idade.

Francisco se referiu à tragédia logo após a oração do Ângelus deste último domingo, 2. “Rezo por aqueles que perderam a vida e ficaram feridos nos confrontos que eclodiram após uma partida de futebol em Malang, na Indonésia”, afirmou o pontífice.

Joko Widodo, presidente do país, determinou uma revisão dos planos de segurança para jogos de futebol.

Além dos mortos, mais de 320 outras pessoas ficaram feridas enquanto fugiam do gás. Vídeos em redes sociais mostram torcedores escalando cercas para tentar escapar. Uma testemunha identificada como Chandra declarou à rede britânica BBC que um “mar de fumaça” nas arquibancadas causou pânico entre os espectadores.

O chefe de polícia de Malang foi demitido e pelo menos outros nove oficiais foram suspensos. Há 18 policiais sendo investigados pela ação que usou gás lacrimogêneo contra os torcedores que invadiram o campo, a fim de se apurarem as suas responsabilidades.

Por outro lado, o ministro da Segurança, Mahfud MD, declarou que o estádio com capacidade para 38.000 pessoas estava superlotado com mais de 42.000. Os protestos violentos da torcida perdedora, segundo ele, se tornaram “anárquicos” e uma parte dos torcedores começou a atacar os policiais. Nico Afinta, chefe de polícia em Java Oriental, acrescentou que dois policiais também foram mortos.

Precedentes

Além deste caso chocante de mortos e feridos no estádio da Indonésia, há no mundo um longo e estarrecedor histórico de tragédias semelhantes em estádios de futebol, com episódios de violência entre torcedores causando dezenas de mortes em países como Escócia, Inglaterra, Bélgica, Rússia, Egito, Gana, Camarões, África do Sul, Guatemala e Peru.

Neste último país, em 24 de maio de 1964, morreram 320 pessoas e se feriram mais de mil no Estádio Nacional de Lima, durante eliminatórias olímpicas entre as seleções peruana e argentina.

Este artigo é exclusivo para os membros Aleteia Premium

Já é membro(a)? Por favor,

Grátis! - Sem compromisso
Você pode cancelar a qualquer momento

1.

Acesso ilimitado ao conteúdo Premium de Aleteia

2.

Acesso exclusivo à nossa rede de centenas de mosteiros que irão rezar por suas intenções

3.

Acesso exclusivo ao boletim Direto do Vaticano

4.

Acesso exclusivo à nossa Resenha de Imprensa internacional

5.

Acesso exclusivo à nova área de comentários

6.

Anúncios limitados

Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Tags:
Papa FranciscoTragédiaViolência
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia