Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quarta-feira 29 Novembro |
Bem-aventurados Dionísio da Natividade e Redento da Cruz
Aleteia logo
Espiritualidade
separateurCreated with Sketch.

O que nos perturba na parábola do filho pródigo é que o Pai sempre esteve esperando por nós

Parábola do filho pródigo

Public Domain

Parábola do filho pródigo

Pe. Wellington José de Castro - publicado em 23/03/23

" Seu perdão não é uma simples anistia, é uma efusão de misericórdia, na qual a ternura é mais forte que o pecado"

…Estava morto e tornou a viver; estava perdido, e foi encontrado!

O filho, então, lhe disse: ‘Pai, pequei contra Deus e contra ti. Já não mereço ser chamado teu filho’. Mas o pai disse aos empregados: ‘Trazei depressa a melhor túnica para vestir meu filho. E colocai um anel no seu dedo e sandálias nos pés. Trazei um novilho gordo e matai-o. Vamos fazer um banquete. Porque este meu filho estava morto e tornou a viver; estava perdido e foi encontrado’. E começaram a festa” (Lc 15,21-24).

Jesus conta esta parábola para cada um de nós: somos todos aquele filho que o pecado afastou do Pai e que deve encontrar, a cada dia mais diretamente, o caminho da sua casa, o caminho do seu coração. A conversão é exatamente isto: este caminho que consiste em abandonar o nosso pecado e a miséria em que nos lançou para ir em direção ao Pai.

O que nos perturba nesta parábola, e a realidade a supera de longe, é o fato de que nosso Pai sempre esteve esperando por nós. Nós é que o deixamos, mas ele, ele nunca nos deixa. Ele fica “comovido” assim que nos vê voltar. Às vezes, seríamos tentados a duvidar de seu perdão, pensando que nossa culpa é muito grande. Mas o pai sempre continua a nos amar. Ele é infinitamente fiel. Não são nossos pecados que o impedem de nos dar seu amor, mas nosso orgulho. Assim que nos reconhecemos como pecadores, ele imediatamente se dá de novo a nós, com um amor ainda maior, um amor que pode reparar tudo, um amor capaz a qualquer momento de extrair maior bem do mal. Seu perdão não é uma simples anistia, é uma efusão de misericórdia, na qual a ternura é mais forte que o pecado.

Jesus quer que tenhamos a mesma confiança nos outros também. No coração de cada homem há sempre a possibilidade de retornar ao Pai, e devemos esperá-lo sem cessar. Quando vemos irmãos recém-convertidos recebendo graças da intimidade com Deus, muitas vezes verdadeiramente extraordinárias, nos regozijamos sem hesitar e compartilhamos a alegria do Pai.

“Confiei no teu amor e voltei; sim, aqui é meu lugar. Eu gastei teus bens, ó Pai, e te dou este pranto em minhas mãos…”.

Pe. Wellington José de Castro, via Facebook

Tags:
BíbliaMisericórdiaPerdão
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia