Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sábado 13 Abril |
Aleteia logo
Estilo de vida
separateurCreated with Sketch.

Autoestima: 6 exercícios para você aprender a se amar mais

Mulher se olhando no espelho

Arthur Bargan | Shutterstock

Sheila Morataya - publicado em 29/03/23

A aceitação de si mesmo(a) passa pela autoestima, e a autoestima é conquistada quando você toma consciência de quem realmente é

Recentemente, fui convidada por um distrito escolar para falar a um grupo de mães sobre autoestima e autoaceitação.  

A aceitação de si mesmo(a) passa pela autoestima, e a autoestima é conquistada quando você toma consciência de quem realmente é. Quando você se preocupa com o treino, fica muito mais fácil se entender, gostar, se amar e se aceitar.

O treinamento contínuo ajuda você a ser mais feliz

As mães aprenderam muito sobre si mesmas. Maritza questionou se o adjetivo “ótima”, que ela atribuiu a si mesma no início da oficina, não seria uma forma de esconder sua falta de autoestima.

A Jacinta sabe agora que o seu excessivo sentido crítico está relacionado com a falta de aceitação – e que é hora de mudar.

Laura entendeu que querer ser sempre o centro das atenções está relacionado à necessidade de reconhecimento constante dos outros.

shutterstock_715899424.jpg

Autoestima: 6 chaves para você se amar mais

Ao final da oficina, os participantes foram para casa com uma série de exercícios práticos para aprender a se amarem mais. E eu os compartilho com você!

1. Relaxe completamente. A forma como você se enxerga e se sente confiante é sempre importante. Quando uma pessoa se aceita, seu rosto e seu corpo sempre estarão relaxados.

2. Pense em alguém que te ama. Observe como essa pessoa olha para você.

3. Imagine que você está escrevendo sua biografia como se estivesse contando sua vida para aquela pessoa que te ama. Você verá como, pouco a pouco, as palavras que resumem a sua vida começarão a vir à sua mente.

4. Visualize a pessoa que você sabe que te ama. Ela está parada no fundo da sala e olhando para você. Você olha para ela também. Então, você decide descrevê-la em sua biografia, narrando o papel que ela desempenhou naqueles momentos em que você não acreditou em si mesma, não se aceitou e não se amou.

5. Olhe para si mesm0(a) com compaixão. Ao escrever sobre você, tente entrar no corpo daquela pessoa que te ama. Veja-se através dos olhos dela. Ouça os pensamentos que ela tem sobre você e sinta o que ela sente por você. Quando alguém nos ama, sempre olha para nós com amor, doçura e compaixão.

6. Encontre um espelho e olhe-se nele. Reveja mentalmente as qualidades e os aspectos de si mesmo(a) que percebeu ao se olhar com os olhos do amor, não só daquela pessoa que te ama, mas com os seus próprios olhos.

Tags:
AmorPsicologia
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia