Aleteia logoAleteia logoAleteia
Terça-feira 20 Fevereiro |
Aleteia logo
Religião
separateurCreated with Sketch.

Padres e ciência: como São Maximiliano Kolbe projetou uma nave espacial

Maximiliano Kolbe e módulo lunar

Vivida Photo PC/RicoBest | Shutterstock

São Maximiliano Kolbe e um módulo lunar

Philip Kosloski - publicado em 24/04/23

Ao compararmos seus esboços com a espaçonave Apollo, que surgiria 51 anos depois, podemos ficar surpresos com o bom trabalho do sacerdote

São Maximiliano Kolbe é conhecido principalmente pelo seu testemunho impactante de auto-sacrifício em Auschwitz, onde se ofereceu para sofrer o martírio no lugar de outro prisioneiro que tinha esposa e filhos pequenos.

Ele também se caracterizou pela notável humildade e profundo amor a Deus e à Santíssima Virgem Maria, vindo a fundar as revistas O Cavaleiro da Imaculada e Cidadela da Imaculada em homenagem a ela.

O que bem menos gente sabe é que este sacerdote santo e mártir também sentia fascínio pela tecnologia e pelas viagens espaciais. De fato, um de seus colegas de seminário relatou que Maximiliano tinha grande interesse pela aerodinâmica do voo. Os seminaristas o viam frequentemente fazendo desenhos de espaçonaves.

Na biografia “A Man for Others: Maximilian Kolbe“, o autor Bronislaus Strycznys registra que o sacerdote “antecipou a possibilidade de se alcançar a lua com um foguete e pensou em muitas outras invenções”.

Pode parecer que o encanto de Kolbe pelas viagens espaciais se restringisse a simples rabiscos em seus cadernos, mas, na verdade, tratava-se de esboços respaldados por especificações científicas. Ele chegou a submeter as suas ideias a uma revista científica em 1918, quando tinha apenas 24 anos de idade. Um de seus professores até sugeriu que ele registrasse uma patente da sua nave espacial.

Estas especificações, assim como os seus desenhos originais, podem ser encontradas no livro “The Writings of St. Maximilian Maria Kolbe“, volume II. Aleteia não tem permissão da editora para compartilhar estas imagens online, mas o mais próximo delas é, curiosamente, a própria espaçonave Apollo! Ao compararmos os esboços do pe. Kolbe com a espaçonave Apollo 1, que surgiria 51 anos depois, podemos ficar bastante surpresos com o bom trabalho do sacerdote.

O esboço pode ser visto no site Catholic Creatives, que também registra que o amor de São Maximiliano Kolbe pela tecnologia se estendeu às ondas do rádio.

A emissora Niepokalanow, fundada por ele, se tornou a primeira estação de rádio católica na Polônia em 1938. O padre polonês tinha planos também de evangelizar por meio da televisão e do cinema; infelizmente, porém, esses planos foram impedidos quando a Alemanha invadiu a Polônia e começou a Segunda Guerra Mundial. O pe. Kolbe seria uma das suas milhões de vítimas, martirizado no campo de concentração nazista de Auschwitz em 14 de agosto de 1941.

Tags:
CiênciaHistóriaPadres
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia