Aleteia logoAleteia logoAleteia
Terça-feira 16 Abril |
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Nicarágua: ditadura de Ortega prende mais um padre

NICARAGUA

AFP PHOTO-NICARAGUAN PRESIDENCY-JAIRO CAJINA

Ditador Daniel Ortega e sua mulher e vice-presidente Rosario Murillo

Francisco Vêneto - publicado em 12/07/23

Regime prossegue a todo vapor na sua explícita perseguição à Igreja

O regime de Daniel Ortega na Nicarágua prendeu mais um sacerdote católico, poucos dias após mais um imbróglio envolvendo o bispo dom Rolando Álvarez: recentemente, o prelado esteve a ponto de ser expulso para Roma como exilado, mas acabou voltando para o presídio onde cumpre pena superior a 26 anos de cadeia por alegada “traição à pátria” – seu crime, no caso, é ser aberto opositor da ditadura.

Também em dias recentes, a polícia do regime invandiu um convento, prendeu quatro freiras brasileiras e as deportou para El Salvador.

Neste domingo, 9, foi a vez do pe. Fernando Zamora, que, segundo a imprensa local e agências internacionais, foi preso após participar da Santa Missa celebrada pelo cardeal Leopoldo Brenes, arcebispo da capital, Manágua.

A ditadura, como lhe é próprio, não explicou o motivo da prisão nem o paradeiro do pe. Fernando Zamora, que também exerce funções administrativas na diocese de Siuna, ao norte do país.

Daniel Ortega voltou ao poder na Nicarágua após vencer eleições que a comunidade internacional acusa de terem sido flagrantemente fraudadas.

Ele tem capitaneado uma sistemática perseguição a opositores políticos, particularmente dura contra religiosos católicos. A perseguição à Igreja se intensificou em especial desde 2018, quando o clero apoiou grandes manifestações populares em defesa da democracia.

Tags:
ditaduraIdeologiaPerseguiçãoPolítica
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia