Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quarta-feira 02 Dezembro |
São Cromácio de Aquileia
home iconEstilo de vida
line break icon

Como receber as crianças que batem à sua porta na noite de Halloween

CRIANÇAS NO HALLOWEEN

Shutterstock

Edifa - publicado em 29/10/20

E se, em vez de uma série de críticas, você aproveitasse a passagem de crianças fantasiadas por sua porta na noite de Halloween para catequizá-las por um minuto?

Os dias das abóboras, vampiros e fantasmas de lençol branco estão de volta. Vivemos um período de medo nos mercados, mas o mercado do medo, do oculto e do mórbido também está em boa forma. Há um provérbio francês sobre o Halloween que, parafraseando, diz que onde quer que haja medo e abóboras, os amigos irão. Claro, não há necessidade de dramatizar. Todas as crianças disfarçadas de bruxas não estão necessariamente condenadas ao satanismo. Enquanto isso, a busca de doces por crianças disfarçadas de zumbis substitui a venda de calendários de escoteiros. O que fazer se alguém bater na sua porta ou no interfone?

Eles falam sobre o Halloween, responda com Todos os Santos

Várias possibilidades se abrem para você. Você pode adotar uma reação profética do tipo da de João Batista: “Sua turba de vampiros! Vocês vieram procurar doces? Bem, eu lhes digo: nenhuma dessas máscaras de Halloween será salva; chegará o dia em que vocês colherão o que plantaram: horror, feiura, medo e abóboras. Fora daqui!”.

Mas e se, em vez de uma série de críticas, você aproveitasse a oportunidade para catequizar essas crianças por um minuto (e também o adulto que deveria acompanhá-las!)? No momento em que você pagar o “pedágio” dando pirulitos ou doces, troque o disco. Que eles falem sobre fantasmas, você proclama os santos. Quando eles falam com você dos mortos-vivos, responda com ressuscitado. Que eles falem de angústia e medo, você responde com esperança e comunhão. Que eles falem de Halloween, responda com Todos os Santos.

Tente. Você pode parecer um pouco ridículo (por enquanto), mas responderá à verdadeira questão escondida sob todas aquelas máscaras de terror: a questão sobre o poder da morte. E que diferença faz se eles acusam os cristãos de querer “levar o Halloween de volta”!




Leia também:
O primeiro Halloween começou com um exorcismo


PUMPKINS

Leia também:
Halloween: o problema não está nas fantasias ou nos doces

Paul Clavier

Tags:
História da IgrejaSuperstição
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
PERU
Pablo Cesio
Peru: o menino de 6 anos que reza a Deus de j...
Aleteia Brasil
Oração do Advento
SANTUÁRIO DE APARECIDA INTERIOR BASÍLICA
Reportagem local
Suposto surto de covid-19 entre padres do San...
Sintomas da depressão
Reportagem local
8 sintomas físicos da depressão: fique atento...
READING
Gelsomino Del Guercio
3 regras fundamentais para os leitores da mis...
Papa Francisco
Reportagem local
A oração diária de Advento que o Papa Francis...
Ver mais