Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Aleteia

Ser madrinha é…

Compartilhar
Comentar

O milagre de amar como filho uma criança que não veio do seu ventre, mas sim do seu coração

Ser madrinha é amar incondicionalmente um ser gerado dentro do seu coração.

É receber a confiança de uma mãe para cuidar do seu filho, como se fosse seu próprio filho.

É ser especial demais para receber esse presente, e saber retribuí-lo, pois os afilhados crescem, as madrinhas envelhecem, mas o amor permanece.

Ser madrinha é estar sempre presente.

É ser mãe antes de ter filhos.

É ter alguém para cuidar.

Ser madrinha é estar presente na vida do meu afilhado(a)!

É ter a certeza que ele, mais tarde, vai olhar para trás e dizer “minha madrinha esteve presente em todos os momentos importantes da minha vida” .

Você veio para alegrar mais meus dias, sua vida dá mais sentido à minha.

Ao seu lado, aprendo a doçura de ser criança outra vez.

De todas as coisas que já me aconteceram na vida, nada me encheu mais de orgulho do que ser sua madrinha!

 

(Autor desconhecido)

Tags:
padrinhos