Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

URGENTE: Arde a Catedral de Notre Dame de Paris

Compartilhar

Símbolo de Paris começou a ser construída em 1163 e levou 182 anos para ficar pronta. Ela hoje está em chamas.

A famosíssima Catedral de Nôtre-Dame de Paris foi atingida por um incêndio brutal nesta segunda-feira, 15 de abril. Não é, porém, a primeira tragédia a que ela sobrevive.

Sobre a Catedral

  • A catedral é dedicado a Nossa Senhora: esta é a tradução do francês “Nôtre-Dame“.
  • Situa-se na Île de la Cité, pequena ilha no rio Sena, em pleno coração de Paris.
  • Sua construção foi iniciada em 1163.
  • No local, erguia-se antes uma igreja romana que tinha ficado pequena demais para a população de Paris, na época em crescimento acelerado.
  • O projeto da nova catedral previa uma obra descomunal para aqueles tempos: em estilo gótico, ela teria 135 metros de largura e 40 metros de altura, o que só era possível graças a um período de relativa prosperidade e à consolidação das novas técnicas de engenharia e arquitetura, que permitiriam o uso exuberante de grandes aberturas para a colocação dos vitrais característicos desse estilo.
  • Levou 182 anos para que a catedral ficasse pronta, em 1345.
  • Na Revolução Francesa (1789-1799), a catedral foi fechada e nacionalizada pelos revolucionários anticlericais e anticatólicos, que a usaram como armazém de mantimentos. Os tesouros artísticos foram roubados.
  • Em 1801, foi restaurada mediante acordo entre a França e a Santa Sé.
  • Napoleão Bonaparte foi ali coroado em 1804.
  • Em 1831 foi de novo saqueada e teve seus vitrais quebrados em mais um período de turbulências na França.
  • No mesmo ano, o célebre livro “O Corcunda de Nôtre-Dame“, de Victor Hugo, denunciou as lamentáveis ruínas a que estava abandonada a centenária catedral.
  • Em 1844, começou uma restauração guiada pelos arquitetos Eugène Viollet-le-Duc e Jean-Baptiste Lassuss que durou mais de duas décadas, respeitando os materiais e estilos originais.
  • Entre 1990 e 1992, foi a vez do grande órgão da catedral de Notre-Dame de passar por uma restauração complexa. Trata-se de um dos instrumentos mais famosos deste gênero em todo o mundo.

O incêndio de 15 de abril de 2019

As primeiras informações especulam que o fogo pode ter relação com as obras em andamento no telhado da catedral.

No fim da semana passada, foram retiradas por um guindaste as 16 estátuas de cobre que estavam no alto do templo. Elas representam os 12 Apóstolos e os 4 Evangelistas – embora São Mateus e São João fossem tanto apóstolos quanto evangelistas. Cada estátua pesa 150 quilos e mede 3 metros de altura.

Depois da restauração, elas seriam recolocadas no alto da catedral até dezembro. Felizmente, a retirada as poupou de serem destruídas neste incêndio.

Imagens do incêndio

AFP
FRANCOIS GUILLOT/AFP/East News
FRANCOIS GUILLOT/AFP/East News
FRANCOIS GUILLOT/AFP/East News
FRANCOIS GUILLOT/AFP/East News
Agnes Pinard legry | Agnes Pinard legry
Agnes Pinard legry | Agnes Pinard legry
Un incendie ravage Notre-Dame de Paris, 15 avril 2019.
FRANCOIS GUILLOT/AFP/East News
São leitores como você que contribuem para a missão da Aleteia

Desde o início de nossas atividades, em 2012, o número de leitores da Aleteia cresceu rapidamente em todo o mundo. Estamos comprometidos com a missão de fornecer artigos que enriquecem, informam e inspiram a vida católica. Por isso queremos que nossos artigos sejam acessados por todos. Mas, para isso, precisamos da sua ajuda. O jornalismo de qualidade tem um custo (maior do que o que a propaganda consegue cobrir). Leitores como você podem fazer uma grande diferença, doando apenas $ 3 por mês.