Aleteia logoAleteia logoAleteia
Domingo 25 Fevereiro |
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Ditadores proibiram missas ao longo da história, recorda pe. Gabriel

Padre Gabriel Vila Verde

Pe. Gabriel Vila Verde (Facebook)

Reportagem local - publicado em 09/04/21

"No início, eram os imperadores romanos que proibiam as missas"

Ditadores proibiram missas ao longo da história, recordou o pe. Gabriel Vila Verde via rede social. Ele escreveu:

“O inimigo não dá tréguas à Igreja.

No início, eram os imperadores romanos que proibiam as missas, forçando o povo cristão a celebrar no escuro das catacumbas. A Igreja também enfrentou a Revolução Francesa, onde milhares de padres e freiras foram levados à guilhotina “em nome da lei”. No México, o presidente Calles também usou de seu poder passageiro para fechar igrejas, matar padres e prender cristãos. Na Rússia, muitos templos católicos foram transformados em centros de reuniões políticas, onde a foto de Lênin substituía as imagens do Crucificado.

Hoje, em tempos de pandemia, o vírus é usado como argumento para cancelar missas, enquanto os ônibus circulam repletos de passageiros, e os aviões cheios, sem nenhum distanciamento”.

Ditadores proibiram missas ao longo da história

O padre prosseguiu:

“Voltaremos a celebrar de forma clandestina?

Que as lideranças cristãs do Brasil abram os olhos e se recordem da frase de Jesus a Pilatos:

‘Quem me entregou a ti tem pecado maior’ (Jo 19,11)”.

Tags:
IdeologiaJustiçaliberdade religiosaPandemiaPolíticaReligião
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia