Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quinta-feira 29 Julho |
Santa Marta
home iconAtualidade
line break icon

Padre é agredido e preso durante grandes protestos em Cuba

PROTESTOS EM CUBA

Adalberto ROQUE / AFP

Francisco Vêneto - publicado em 13/07/21

Ao menos um seminarista e outros jovens católicos foram detidos e não se conhece o seu paradeiro

Um padre foi agredido e preso durante a atual explosão de grandes protestos em Cuba. A ilha comunista sofre uma onda de violenta repressão do governo contra cidadãos que se manifestam nas ruas pedindo mais liberdade, melhores condições de vida e mais efetividade nas medidas de combate à pandemia de covid-19.

O sacerdote preso é o pe. Cástor Álvarez, golpeado e detido em Camagüey sob acusação de promover a desordem pública. Ele estava defendendo os manifestantes.

Crise econômica

A agência católica ACI Prensa entrevistou outro sacerdote da mesma arquidiocese de Camagüey, o pe. Rolando Montes de Oca, que assim resumiu os motivos dos protestos em Cuba:

“A situação econômica neste momento é crítica e ficou mais grave ainda com as medidas econômicas que o governo impôs no começo deste ano, chamadas de ‘reordenamento econômico’, ou coisa parecida. Essas medidas, com certeza, tornaram a vida muito mais difícil. Temos uma inflação fora do comum. É cada vez mais difícil conseguir produtos de necessidade básica, inclusive comida. A situação de pobreza material é muito séria”.

Pandemia

O padre prossegue:

“Estamos em plena crise da covid-19. Há muitas notícias circulando sobre pessoas que morrem, que não recebem assistência médica. Os hospitais entraram em colapso. Circulam imagens de doentes nos corredores, inclusive em macas no chão. Há uma falta descomunal de remédios. Muitas pessoas não conseguem nem calmante para a dor. Uma aspirina, por exemplo, você não acha. E não estamos falando de remédios sofisticados. Ninguém tem nada. Muitas vezes, não existem nem nos hospitais. O governo nega o colapso na saúde e diz que tudo está controlado. Mas a realidade mostra o contrário”.

Repressão

O sacerdote acrescenta:

“O que está acontecendo em Cuba é algo único em pelo menos 6 décadas. Eu tenho 40 anos e nunca tinha visto nada parecido: tanto consenso contra o governo e uma resposta tão violenta do governo contra o povo”.

Presidente convoca revolucionários para abafar protestos

Segundo o pe. Rolando, o presidente cubano Miguel Díaz-Canel convocou “os revolucionários às ruas para defender a revolução em todos os lugares” e enfatizou que “a ordem de combate está dada”. O sacerdote continua:

“Obviamente, ele culpou os Estados Unidos por toda a situação que Cuba está atravessando. Ele disse que atacará os manifestantes e convocou todas as forças comunistas para irem com toda a força contra eles. E, de fato, tem havido muita violência contra os manifestantes, que eram pacíficos”.

Soltura do pe. Cástor

O pe. Cástor Álvarez foi libertado nesta segunda, 12 de julho, após intervenção do arcebispo de Camagüey, dom Willy Pino. De acordo com o pe. Rolando, foi necessária “uma longa negociação do arcebispo, que durou praticamente o dia inteiro”.

A agência ACI Prensa ressalta, porém, que há muitos outros manifestantes presos e cujo paradeiro não é conhecido. Entre eles há pelo menos um seminarista da localidade de Matanzas, chamado Rafael Cruz Débora, levado violentamente da própria casa às cinco da manhã. A agência informou ainda que os jovens católicos Manuel Yong e Leonardo Fernández, igualmente presos, foram transferidos de Camagüey para a capital, Havana, e que não há novas informações sobre a sua situação.

Tags:
comunismocriseEconomiaIdeologiaPadresPandemiaPerseguiçãoPobrezaPolítica
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Ítalo Ferreira
Reportagem local
Ouro no surfe em Tóquio, Ítalo Ferreira reza todos os dias às 3h ...
2
CROSS;
Reportagem local
O que significa o sinal da cruz feito sobre a testa, os lábios e ...
3
CANDLELIGHT PROCESSION AND ROSARY
Elizabeth Zuranski
A oração escondida no fim da Ave-Maria
4
menino Lázaro curado câncer
Aleteia Brasil
Brasil: família testemunha cura de menino com câncer por interces...
5
st charbel
Reportagem local
Por acaso não está acontecendo o que São Charbel disse?
6
Padre Zezinho
Reportagem local
Cura pela televisão é possível? Pe. Zezinho desmascara manipulaçõ...
7
Reportagem local
A arrepiante oração de uma mulher no corredor da morte por ser ca...
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia