Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quinta-feira 27 Janeiro |
Beato Jorge Matulaitis 
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Freira de Mianmar está entre as 100 mulheres mais inspiradoras e influentes do mundo

000_94L2YB.jpg

HANDOUT / MYITKYINA NEWS JOURNAL / AFP

Dolors Massot - Ricardo Sanches - publicado em 15/12/21 - atualizado em 15/12/21

A freira ficou conhecida por ter se ajoelhado diante de policiais e impedido que eles atirassem contra manifestantes; saiba quem mais está na lista

O gesto da irmã Ann Rose Nu Tawng, a freira de Mianmar que se colocou em frente aos policiais para impedir que eles matassem manifestantes, levou a religiosa para a lista das 100 mulheres mais influentes e inspiradoras do mundo no ano de 2021, segundo a BBC.

Isso mesmo, a irmã Ann Rose Nu Tawng é uma freira católica e seu testemunho de luta pelos direitos humanos (começando pela vida e pela liberdade) fez dela um exemplo de coragem.

A BBC a escolheu porque, segundo a rede, “ela se tornou um símbolo dos protestos que se seguiram ao golpe militar em Mianmar, quando se ajoelhou diante da polícia para proteger os manifestantes que se refugiavam em sua igreja.”

“A foto dela de braços abertos em frente a policiais fortemente armados se tornou viral nas redes sociais em março de 2021 e recebeu muitos elogios”, explicam os organizadores da lista.

“A irmã Ann Rose Nu Tawng falou abertamente sobre a proteção de civis, especialmente crianças. Ela se formou como parteira e é freira há 20 anos. Ultimamente, tem trabalhado com pacientes de Covid-19 no estado de Kachin, em Mianmar ”, sublinha o canal público britânico.

Este é o rosto da irmã Ann Rose, nomeada uma das 10 mulheres do ano:

Irmã Ann Rose Nu Tawng, hoje dedicada a cuidar de pacientes com Covid-19. Foto: ACN

A freira heroína de Mianmar

Ann Rose Nu Tawng nasceu em 1975. Ainda jovem, descobriu a sua vocação religiosa e decidiu entregar-se a Deus, juntando-se às Irmãs de São Francisco Xavier. Ela trabalha em Myitkyina, a capital de um estado de Mianmar (a ex-Birmânia).

A situação política do país está instável há décadas, mas ficou pior com o golpe militar de 1º de fevereiro de 2021. Durante uma manifestação contra o novo governo, os militares começaram a atirar nos manifestantes. Então, a irmã Ann Rose Nu Tawng se ajoelhou na frente deles. Ela pediu-lhes para matá-la, em vez de matar os manifestantes. Desta forma, os manifestantes conseguiram escapar com vida.

Em 8 de março, novamente, a freira se ajoelhou diante de alguns soldados para pedir que eles atirassem em outros manifestantes. Desta vez, dois policiais também se ajoelharam na frente dela.

No que se refere à ação dos religiosos, este não pode ser entendido como um ato de política partidária. Trata-se da defesa dos valores humanos, da lei natural inscrita no coração de todas as pessoas e expressa nos Mandamentos. A ação da irmã Ann Rose Nu Tawng também segue a orientação do bispo da diocese, Francis Daw Tang. Este prelado, em 2015 exortou os católicos a promover a democracia em Mianmar “não só em nossas orações, mas também participando das manifestações”.

A lista

Na lista das 100 mulheres mais influentes de 2021 você ainda pode ver alguns nomes famosos, como Malala Yousafzai, a mais jovem ganhadora do Prêmio Nobel da Paz. A única brasileira na lista é a microbiologista Natalia Pasternak Taschner. Ela foi escolhida pelo seu importante trabalho de divulgação de notícias científicas durante a pandemia.

O grande número de mulheres afegãs na lista também é significativo, em um ano tremendamente difícil para aquele país. Clique aqui e confira a lista completa.

Tags:
freirasMulherMundoReligiosos
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia