Aleteia

Francisco: “Há mais mártires hoje do que nos primeiros séculos do cristianismo”

© Mohammed ABED / AFP
Compartilhar

O Papa destaca a perseguição e até o martírio que continuam sendo perpetrados contra os cristãos em várias regiões do planeta

O Papa Francisco voltou a denunciar nesta semana que “existem muitos cristãos que sofrem perseguições em várias áreas do mundo“. E deixou claro que a quantidade não é pequena:

“São muitos: os mártires de hoje são mais do que os mártires dos primeiros séculos. Expressemos a nossa proximidade a esses irmãos e irmãs: somos um só corpo, e esses cristãos são os membros ensanguentados do Corpo de Cristo, que é a Igreja. Mesmo nas perseguições, porém, há sempre a presença de Jesus, que nos acompanha; a presença de Jesus que nos consola; e a força do Espírito que nos ajuda a seguir em frente. Não nos desanimemos quando a nossa vida em coerência com o Evangelho atrai as perseguições das pessoas: o Espírito nos sustenta nesse caminho”.

Francisco fez essas declarações durante a audiência geral desta quarta-feira, 29 de abril, transmitida a partir da Biblioteca do Palácio Apostólico do Vaticano.

Confira algumas notícias sobre a perseguição em diversas partes do mundo:

Boletim
Receba Aleteia todo dia